Como um sistema ERP pode te ajudar na prática

Como um sistema ERP pode te ajudar na prática


Você já percebeu como a aquisição de um sistema ERP pode ser um diferencial competitivo para o seu varejo?



Mais do que a teoria, o ERP é prática. A integração de recursos, ferramentas e dados permite que você otimize toda a operação do seu comércio e possa focar em decisões estratégicas, deixando a parte operacional para que o sistema faça, sem erros, sem falhas e com muito mais velocidade. Na prática, o ERP pode te ajudar da seguinte maneira:


Vendas


A venda é a principal operação do seu negócio e é necessário que você tenha dados sólidos a respeito dela, como volume total de vendas, vendas por hora, por dia, por semana, por mês, etc. Você precisa, ainda, verificar quais itens são mais vendidos para repor o seu estoque, qual é o ticket médio do mês, quanto você está faturando em cada venda e por aí afora.


Fazer esse controle manualmente é impossível, não é mesmo? É preciso evoluir para seguir com segurança. Com o ERP todos esses dados são gerados no momento da venda e você pode acompanhá-los em tempo real, sempre que quiser ou precisar.


Relacionamento com o cliente


O cliente é seu ativo principal, e por esse motivo você deve conhecê-lo profundamente e gerar oportunidades para que a sua loja interaja de maneira adequada com ele, visando manter a fidelização e potencializar as vendas.


Através do módulo CRM (Customer Relationship Management) do seu ERP, você tem à disposição todos os dados e informações necessárias sobre o seu cliente, podendo criar ofertas personalizadas de produtos, de acordo com o perfil dele. Pode ainda criar mecanismos de comunicação direcionados, baseados nos hábitos de consumo e preferências do seu cliente, levando-o a engajar-se ainda mais com o seu varejo.


Financeiro


A partir do controle de vendas, o seu financeiro é alimentado automaticamente, dando a você a previsão de receitas para os próximos meses, bem como as despesas operacionais.


O seu fluxo de caixa fica mais claro e consistente e você jamais perderá de vista a saúde financeira do seu comércio. Além disso, você tem em mãos todos os relatórios necessários para consolidar as suas contas ao final do mês e do ano, contribuindo para que a sua contabilidade seja a mais fiel possível.


Ponto de venda


A informação na ponta da língua do vendedor é um diferencial e tanto para quem deseja ganhar mais espaço no mercado varejista. Uma das maneiras de conseguir isso é através do ERP que, com o módulo de vendas, tem um cadastro geral de todos os produtos, preços, características, promoções, margem de lucro, e tudo o que a sua força de vendas precisa para dar um atendimento que supere as expectativas dos seus consumidores.


Recursos humanos


Varejo sem funcionários não existe, e até nisso o ERP pode te ajudar. Ao invés de ficar calculando comissões em um longo dia no final do mês, você pode acompanhar a evolução das vendas de cada vendedor, verificar como está o desempenho de cada um e planejar-se para o pagamento das comissões com bastante antecedência. Identificando os melhores vendedores você pode também criar mecanismos de recompensas, visando aumentar ainda mais a produtividade da sua equipe de vendas.


Integração com loja virtual


Se você tem uma loja física e uma virtual, ou está pensando em adentrar o mundo do e-commerce, você não pode ficar sem um ERP. Com ele você tem todas as contas consolidadas em uma única plataforma, gerindo seu varejo de maneira integrada, sem perda de tempo ou recursos.


A aquisição de produtos junto aos fornecedores é facilitada, a logística fica padronizada e você tem tudo à mão, sem precisar contratar equipes inteiras para cuidar de um único processo.


Consolidação Fiscal


Sem um ERP sua empresa fica vulnerável para a apresentação dos SPEDs e das diversas obrigações assessorias que são exigidas atualmente pelo Fisco. Isso porque, sem um ERP, os dados ficam separados em cada um dos departamentos da empresa e a contabilidade pode apresentar números que não condizem com a realidade dos fatos, colocando assim sua empresa em risco.


Gostou? Baixe gratuitamente o “Guia definitivo do ERP para o comércio varejista”, que desenvolvemos para você.


 

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Comentários